Notícia

Academias ao ar livre adaptadas para deficientes

Os deputados aprovaram, em segunda votação, o projeto que obriga os novos parques, praças e locais públicos, destinados ao lazer, que tenham a disposição academias ao ar livre, com aparelhos adaptados para pessoas com deficiência física. A proposta segue para sanção do governador Reinaldo Azambuja.

O governo estadual poderá fazer convênios com as prefeituras, empresas privadas e entidades ligadas a este público, para a instalação destes aparelhos e área de lazer, com toda a estrutura para prática de exercícios, com a devida adaptação.

Também haverá a preocupação para que esta área possa ser usada por pessoas com deficiência auditiva, visual, motora, intelectual ou sensorial. Pode haver uma prestação de assessoria técnica e elaboração de projetos neste sentido.

A autora do projeto, a deputada Antonieta Amorim, ressalta que a intenção é atender as estas pessoas com deficiência que moram em Mato Grosso do Sul e que precisam ter esta prática de exercício e contato com a natureza, nos parque e praças dos municípios.

-Muitas cidades do Estado já possuem espaços desportivos destinados a deficientes físicos, por isso, é necessário disciplinar esses procedimentos, para que todos possam se beneficiar deste ambiente- justificou. Ela adianta que o local será um espaço terapêutico e de inclusão social.

Fonte: Campo Grande News
COMPARTILHAR
Trabalhe conosco Entre em contato
aceitamos cartão BNDES
Av. Antônio Lacerda, 955 - Lote P - Dist Industrial | Pilar do Sul - SP Fale Conosco | contato@grupocoesa.com.br Acesso à administração do site Acesso à administração do site