Notícia

Dicas de segurança para ciclistas novatos nas grandes cidades

Uma campanha da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) em todo o País vai conscientizar ciclistas da importância de manter a segurança no trânsito. Diversas ações serão feitas no mês de dezembro em grandes cidades, como a distribuição de folhetos educativos em semáforos e em locais de grande circulação de pessoas.

Dados da Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo (CET) revelaram que, em todos os anos, cerca de 500 ciclistas morrem no trânsito. Embora não haja um número exato de pessoas com sequelas, ele pode ser ainda maior que o número de mortes.

O conteúdo da campanha destaca a importância dos itens de segurança, como a utilização de capacetes, cotoveleiras e joelheiras, e afirma que o ciclista precisa saber respeitar as leis e os regulamentos de trânsito, como sinalizar ao mudar de direção, não andar na contramão e jamais utilizar as calçadas.

O material da campanha terá por base a Cartilha do Ciclista, lançada este ano pelo Ministério de Cidades. Ela reúne informações sobre legislação, sinalização, as diferentes vias que compõem a rede cicloviária da cidade e regras de circulação e de segurança.

O material informativo ainda ressalta que o ciclista deve dirigir sempre com cuidado, prestando atenção aos veículos maiores. É preciso sinalizar sempre os movimentos, não andar no corredor de ônibus e optar por ciclovias e ruas menos movimentadas.

-O ciclista deve estar consciente, andar protegido, respeitar as regras e evitar andar nas calçadas. Ele pode ser vítima ou causador de um acidente envolvendo um pedestre- diz Marco Antônio Percope, presidente da Sociedade Brasileira de Traumatologia.

-Se quiser passar pela calçada, desmonte e leve a bicicleta andando. Dessa forma, o ciclista passa a ter os mesmos direitos e deveres dos pedestres- ressalta Percope.

Ainda segundo a SBOT, quem está na bicicleta precisa ver e ser visto. Usar roupas claras e chamativas ou coletes reflexivos é uma forma de se fazer mais visível. O uso de faróis dianteiros e refletores laterais também é indispensável.

Fonte: Saúde!Brasileiros
COMPARTILHAR
Trabalhe conosco Entre em contato
aceitamos cartão BNDES
Av. Antônio Lacerda, 955 - Lote P - Dist Industrial | Pilar do Sul - SP Fale Conosco | contato@grupocoesa.com.br Acesso à administração do site Acesso à administração do site