Notícia

Lazer sobre duas rodas

orocaba foi uma das primeiras cidades de porte médio a investir pesadamente em ciclovias. Em maio de 2012, já com uma boa malha cicloviária, entrou em funcionamento o Programa Integrabike, um sistema público de empréstimo gratuito de bicicletas que em maio deste ano completou três anos. O programa já registrou 400 mil empréstimos e tem mais de 28 mil pessoas cadastradas no sistema. O objetivo de ceder bicicletas gratuitamente para que o veículo se transformasse em uma alternativa importante no deslocamento urbano, entretanto, está longe de se concretizar. As bicicletas colocadas à disposição pelo programa são utilizadas mais para lazer do que como meio de transporte de trabalhadores e estudantes. Praticamente o mesmo pode-se dizer das ciclovias que cortam a cidade, onde o uso recreativo é muito mais frequente.

Pesquisa realizada pela própria Urbes Trânsito e Transportes, um ano após a implantação do Integrabike já mostrava que 74% dos usuários das bicicletas públicas as utilizavam para lazer. A mesma pesquisa revelava que apenas 14% dos usuários utilizavam as bikes para deslocamentos até o local de trabalho. O número de estudantes que usavam as bicicletas públicas para se deslocar até as unidades escolares era ainda menor: 11%.

Algumas características de Sorocaba explicam o uso predominante das bicicletas para uso recreativo. Em primeiro lugar, a cidade tem uma topografia muito acidentada. Uma coisa é pedalar nas ciclovias instaladas às margens do rio Sorocaba e nos parques, sem compromissos com horários. Outra é cruzar a cidade para chegar ao local de trabalho com disposição suficiente para encarar uma jornada de oito horas. Nos dias de calor excessivo, o desgaste físico ainda é maior. Outro detalhe que inibe o uso de bicicletas como meio de transporte é que as empresas instaladas na Zona Industrial, onde se concentram as grandes indústrias, em sua grande maioria oferecem ônibus fretados para transportar seus funcionários.

Com o uso predominante para atividades de lazer, chega em boa hora a ampliação do horário de empréstimo das bicicletas públicas nos sábados, domingos e feriados. A Urbes está ampliando de uma para duas horas seguidas o tempo dos empréstimos. Muitos usuários reclamam, desde a instalação do sistema, que uma hora é um período muito curto, principalmente se a intenção é fazer um passeio mais longo. Se a Urbes pretende atrair mais pessoas para o Integrabike, poderia também ampliar o horário de funcionamento das estações de
COMPARTILHAR
Trabalhe conosco Entre em contato
aceitamos cartão BNDES
Av. Antônio Lacerda, 955 - Lote P - Dist Industrial | Pilar do Sul - SP Fale Conosco | contato@grupocoesa.com.br Acesso à administração do site Acesso à administração do site