Notícia

Moradores do Campo Grande ganham aparelhos para exercícios ao ar livre

A Praça Campo Grande ganhará mais um atrativo: uma academia de ginástica ao ar livre. A inauguração que acontecerá nesta sexta-feira, promoverá um novo espaço para a prática de exercícios físicos, uma parceria do Programa Verde Perto, da Secretaria Cidade Sustentável de Salvador (SECIS), juntamente com o Laboratório Sabin.

O espaço pretende beneficiar aproximadamente mil pessoas por mês.

A inauguração da academia, que teve um investimento de R$ 40 mil e equipada com 10 aparelhos como alongador, simuladores de cavalgada, caminhada, remo, entre outros, contará com uma programação especial, com café da manhã e aula de ginástica laboral.

-Nos empenhamos sempre em realizar práticas de responsabilidade socioambiental. Por meio do Instituto Sabin, investimos constantemente em iniciativas que promovam a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde atuamos-, afirmou a vice-presidente do Conselho de Administração do Grupo Sabin, Sandra Soares Costa.

-A Praça Campo Grande, como todos sabem, é praticamente subutilizada e com mais um atrativo, ela então traz de volta a frequência dos moradores e a participação deles na cidade, em se envolver com o que Salvador oferece. Além de estimular a atividade física, o Programa Verde Perto aproxima as pessoas das praças públicas, um lazer bastante agradável- falou André Fraga, secretário da Cidade Sustentável de Salvador.

Aprovando o projeto, a professora e moradora do bairro da Graça, Maria Piedade, diz que a academia ao ar livre devolverá a ela o estímulo pela atividade física.

-Um projeto gratuito e de grande benefício. Às vezes deixamos de ir uma academia para não nos sentirmos presos àquele determinado espaço, então optamos pela atividade ao ar livre. Esse projeto é sem dúvida bem-vindo e deve ser ampliado para outros pontos da cidade.

-Aproveitarei desse recurso para ampliar minhas atividades físicas. Antes só descia na praça para caminhar, agora, com esse novo benefício, aproveitarei para fortalecer os músculos. O município desenvolveu um ótimo projeto que não só faz bem a saúde como também à cabeça. Só espero que os aparelhos se mantenham conservados ao longo dos anos-, comentou o comerciante e morador do Campo Grande, Giacomo Boneta.

De acordo com Fraga, nos próximos meses a secretaria estará implantando o mesmo projeto em outras praças da cidade e, assim como acontecerá na Praça Campo Grande, todas passarão por fiscalização para que possa ser mantida a conservação dos equipamentos.

Fonte
COMPARTILHAR
Trabalhe conosco Entre em contato
aceitamos cartão BNDES
Av. Antônio Lacerda, 955 - Lote P - Dist Industrial | Pilar do Sul - SP Fale Conosco | contato@grupocoesa.com.br Acesso à administração do site Acesso à administração do site